NOTÍCIAS

Ramon encanta Sul-americanos e fatura prêmio de melhor jogador

Meia de 22 anos é eleito melhor jogador do III Torneio de jogadores livres da FIFPRO e aguarda propostas para atuar fora do Brasil

REDAÇÃO SAPESP

Ele tem apenas 1,68m e já perdeu oportunidades em peneiras por conta da baixa estatura. Mas dentro de campo, Ângelo Miron Santos, mais conhecido como Ramon, mostrou que futebol não tem tamanho e recebeu o prêmio de melhor jogador do III Sul-Americano de jogadores livres, realizado entre os dias 11 e 12 de janeiro, em Lima, no Peru.

Ramon é meio-campista, tem apenas 22 anos e 1,68 m de altura, mas com futebol digno de um gigante. Mostrou grande habilidade nos jogos do Brasil e impressionou pelo talento para se livrar dos adversários em momentos de pressão.

Ao todo, o atleta brasileiro recebeu dois prêmios: o troféu de melhor jogador e de melhor meio-campista.
“Infelizmente não conseguimos o titulo, mas Deus me proporcionou esses dois prêmios de melhor meio campo e melhor jogador do campeonato. Foi muito gratificante”, falou Ramon em entrevista ao Portal do Sindicato de Atletas.

O Atleta, que atuou pelo Primavera de Indaiatuba no início de 2012, chamou a atenção de clubes de fora do Brasil, especialmente da América do Sul. "Recebi muitas sondagens, de times do Peru e outros países. Agora é esperar oficializar algo, para ai sim pensar no futuro", planeja o camisa 8.

Leia a entrevista concedida por Ramon ao Portal do Sindicato de Atletas

ENTREVISTA COM RAMON

1. Conte um pouco sobre sua história no futebol, sua trajetória até aqui...

Comecei a jogar com 5 anos de idade no futsal, passando pelo principe FC, Firestone até os 12 anos, onde disputei campeonatos metropolitanos, estaduais, regionais. Depois dos doze fui para o campo, onde treinei em escolinhas do Santos e São Paulo, Grêmio Mauaense e Santo André.

Já em 2007, fiz peneira no Santos e São Paulo, mas por falta de apoio de empresário não consegui ficar. No Santo André fui reprovado por altura. Foi então que conheci o projeto expressão em 2010. De lá consegui uma vaga para disputar a segunda divisão pelo Primavera (equivalente a quarta divisão).

Depois do Primavera-SP,  o professor  Caçapa me convidou para o torneio no Peru, onde treinamos duro para conseguir um bom resultado. Infelizmente não conseguimos o titulo, mas Deus me proporcionou esses dois prêmios de melhor meio campo e melhor jogador do campeonato. Foi muito gratificante.


Ramon aos 7 anos exibe medalha 

2. O que achou do nível técnico da competição? Foi sua primeira experiência profissional?
O nível técnico foi alto, pois as todas as seleções tinham um nível de qualidade técnica alta, eram grandes jogadores. Encontramos um futebol para frente, rápido, com um ou dois toques na bola. Não foi minha primeira experiência profissional, já havia jogado um panamericano.


3. Qual foi o sentimento ao receber o prêmio de melhor jogador entre 120 participantes, de seis países?
Foi Inesquecível, o momento mais marcante da minha vida, pois entro em campo para ajudar minha equipe e não pensando no individual. Eram grandes jogadores, com grande experiência profissional, e eu tinha tido apenas uma oportunidade no ano passado. Fui escolhido, a ficha começou a cair agora...um sentimento de felicidade.


4. Qual a importância do projeto do Sapesp na vida dos atletas?
Importante para defender os atletas, porque não sabemos de lei e acabamos sendo "escravos" dos clubes, e com o sindicato podemos recorrer a nossos direitos e trabalhar de uma forma tranqüila, sem qualquer chance de ser enganado pelo clube.


5. Qual o próximo passo? Recebeu já alguma proposta ou sondagem?
Próximo passo é assinar contrato com algum clube. Tive sondagens logo depois do torneio, de time do próprio Peru e alguns outros países. Estou aguardando alguma proposta se concretizar.


Ping Pong:

Nome: Ângelo Ramon Miron Santos
Apelido: Ramon
Profissão: Jogador de futebol profissional
Roupa: Confortavel, camiseta, bermuda e chinelo está bom
Comida preferida: Camarão
Bebida: Suco de abacaxi
Melhor equipe que atuou: Seleção Brasileira Torneio Sul-americano FifPro 2013
Jogo inesquecível: Contra a Argentina dia 12/01/2013
Um treinador: Difícil dizer um, porque cada um tem sua importância na minha carreira em cada momento. Professor caçapa que acreditou no futebol e me deu esta oportunidade, quando ninguem acreditava, ele acreditou. 
Um atleta exemplar: kaká
Lugar inesquecível: Peru
Melhor ator: Tom Cruise
Melhor atriz: Natalie Portman
Sonho no futebol: Ser reconhecido, e construir minha historia no futebol, chegar a jogar em um grande clube
Exemplo de vida: Meu Pai
Para quem daria cartão vermelho? Para a violência no futebol
Recado para quem inicia no futebol: Sempre na minha vida treinei, me dediquei mesmo quando treinava sozinho, por isso quem inicia faça tudo com muita vontade, dedicação, amor, perseverança, sem tempo ruim, independente da situação que você se encontre. Com fé em Deus que se chega lá! 

voltar

IMPRENSA

FILIADOS

SINDAP/BA - Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado da Bahia Presidente: Osni Lopes
Endereço: Rua Arthur de Azevedo Machado, Nº 497, Loja 107,

SAFECE - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Ceará Presidente: Marco Antônio da Silva Nunes
Endereço: Avenida Dom Luis 500 - sala 9

SIAPES - Sindicato dos Atletas Profissionais do Espírito Santo Presidente: Geraldo Luzia de Oliveira Júnior (juninho)
Endereço: Ed. Presidente Kennedy - 7

SINAPEGO - Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de Goiás Presidente: Janivaldo Marçal Chaveiro
Endereço: Rua T 63 esquina com T 36 n&ord

SAFEMG - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado de Minas Gerais Presidente: Juarez Alves Pimenta
Endereço: Avenida Barbacena 473 - sala 603 - Bairro P

SINJOP - Sindicato dos Jogadores de Futebol Profissional do Estado do Pará Presidente: Oberdan Bendelac Menezes
Endereço: Praça Bruno de Menezes, 54
Bairro S

SAFEPB - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado da Paraíba Presidente: Manoel Luiz Melo
Endereço: Rua Semeão Leal 150 - sala 401 - Ed. Pra

  • NOSSOS FILIADOS: