NOTÍCIAS

FENAPAF é destaque no site da FIFPRO por defender atletas na COPA 2014

Rinaldo Martorelli, presidente da entidade brasileira, já enviou carta à FIFA pedindo alterações nos horários das partidas.

REDAÇÃO SAPESP

Os atletas profissionais de futebol do sindicato do Brasil (Fenapaf) alertam que os jogos no início da tarde em cidades tropicais podem comprometer a saúde dos jogadores durante a Copa do Mundo de 2014. Das 64 partidas da competição, 24 serão disputados às 13h, horário local.

O sindicato revelou na última terça-feira que notificou o ministro do Esporte, Aldo Rebelo e a CBF, por ser contra horários determinados pela FIFA para o início dos jogos da Copa 2014 (a partir das 13h).

Presidente da FENAPAF e membro do conselho da FIFPro, Rinaldo Martorelli disse à Associated Press que o sindicato vai tomar todas as medidas disponíveis para manter os jogos nos horários padronizados estabelecidos pela FIFA, incluindo ação legal.

"Estamos enviando uma mensagem à Fifa para alertá-los de nossa preocupação com estas questões e dizer que vamos defender os direitos dos atletas profissionais em todos os níveis", declarou o presidente.

CALOR NO NORDESTE

Durante a fase de grupos em Natal, Recife e Salvador, os jogos estão programados para começar as 13h. . Essas cidades podem esperar temperaturas superiores a 30 graus Celsius (cerca de 90 graus Fahrenheit), mesmo durante a estação de inverno.

Martorelli disse que o sindicato quer discutir os horários de início com a Fifa e os organizadores da Copa do Mundo locais para tentar encontrar a melhor solução possível para o 'problema'. 

"O objetivo não é ser radical, mas para ser capaz de ter uma conversa com os responsáveis ​​para a Copa do Mundo, para que possamos tomar decisões que são positivas para todos", disse Martorelli.

Martorelli disse que a união é um grande apoiante da Copa do Mundo, mas ele precisa defender ativamente os direitos dos atletas, mesmo quando se considera 'um evento de magnitude internacional.

Além das partidas iniciais nas cidades tropicais, o clima extremamente seco na capital de Brasília também é uma preocupação. A cidade vai sediar cinco partidas às 13h, incluindo uma quartas de final. Na Amazônia, Manaus será a sede de dois dos seus quatro partidas às 3 pm, hora local, provavelmente em alta umidade.

A FIFA disse que consultou sua comissão médica, antes de aprovar o calendário de jogos. Quando perguntado na semana passada se a saúde do jogador no Brasil estava sendo ameaçada de agradar os radiodifusores europeus, a FIFA secretário-geral Jerome Valcke disse que "a saúde do jogador e da qualidade do jogo está no topo da lista antes de qualquer outra consideração, e definitivamente não consideração comercial ".

voltar

IMPRENSA

FILIADOS

SINDAP/BA - Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado da Bahia Presidente: Osni Lopes
Endereço: Rua Arthur de Azevedo Machado, Nº 497, Loja 107,

SAFECE - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Ceará Presidente: Marco Antônio da Silva Nunes
Endereço: Avenida Dom Luis 500 - sala 9

SIAPES - Sindicato dos Atletas Profissionais do Espírito Santo Presidente: Geraldo Luzia de Oliveira Júnior (juninho)
Endereço: Ed. Presidente Kennedy - 7

SINAPEGO - Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de Goiás Presidente: Janivaldo Marçal Chaveiro
Endereço: Rua T 63 esquina com T 36 n&ord

SAFEMG - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado de Minas Gerais Presidente: Juarez Alves Pimenta
Endereço: Avenida Barbacena 473 - sala 603 - Bairro P

SINJOP - Sindicato dos Jogadores de Futebol Profissional do Estado do Pará Presidente: Oberdan Bendelac Menezes
Endereço: Praça Bruno de Menezes, 54
Bairro S

SAFEPB - Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado da Paraíba Presidente: Manoel Luiz Melo
Endereço: Rua Semeão Leal 150 - sala 401 - Ed. Pra

  • NOSSOS FILIADOS: